Fornecedores homologados

1. Departamento de reclamações
Se a WIKA reconhece uma divergência dos produtos comprados, a WIKA reclama sobre estes fornecimentos (em casos isolados também sobre partes do fornecimento) e devolve-os ao fornecedor. Se for necessário fazer melhorias ou separar os produtos na WIKA por razões de cumprimentos de prazos, o fornecedor deve concordar com as atividades requeridas após as melhorias ou separar os produtos e arcar com os custos adicionais. Cada reclamação é reportada ao fornecedor por meio de um relatório de teste e tem efeito para a avaliação do fornecedor.

2. Comentário / relatório 8D
Se a WIKA requer um comentário do fornecedor em caso de reclamação, a solicitação é claramente anotada no relatório de teste com indicação de um prazo. O fornecedor deve enviar o comentário num relatório 8D, no prazo determinado para o departamento de Compras. Se não for possível enviar o comentário no prazo requerido, o fornecedor deve informar a WIKA com uma simples mensagem para o mesmo endereço de e-mail do responsável pelo departamento de Compras, incluindo o novo prazo. Se o comentário não for enviado à WIKA, um lembrete será enviado.

3. Alterações técnicas
Modificações técnicas de produto ou do processo de fabricação pelo fornecedor devem ser reportadas, planejadas e feitas em acordo com a WIKA. Após modificação, a WIKA reserva-se ao direito de solicitar novas amostras de produto ou reavaliar o processo na base da auditoria de processo.

Modificações pela iniciativa do fornecedor
O fornecedor deve solicitar a modificação de um componente aprovado do comprador WIKA responsável. A WIKA decide internamente se a modificação pode ser feita. A modificação deve ser feita somente após aprovação. Um plano antecipado deve ser apresentado garantindo o fornecimento até a modificação que é autorizado pela engenharia da WIKA para fornecimentos futuros.

As seguintes modificações requerem inspeção da amostra:

  • Modificação do projeto de produto
  • Modificação de material ou substância
  • Modificação do processo de produção
  • Aplicação de máquinas, ferramentas ou equipamentos novos ou modificados
  • Contratação de novos fornecedores
  • Relocação da produção

Se uma nova ou segunda inspeção da amostragem é requerida devido às modificações técnicas, a WIKA solicitará amostras e providenciará o arquivo para a primeira inspeção (relatório EMPB) ao fornecedor. A engenharia da WIKA é responsável pela aprovação e deve concordar com a primeira inspeção extensa de amostra.

Modificações pela iniciativa da WIKA
Após modificação, a WIKA providenciará a documentação técnica, como desenhos e/ou especificações com um novo índice e enviará ao fornecedor. A WIKA solicitará um orçamento (custos e prazos) e uma avaliação da viabilidade de produção da modificação solicitada. Os desenhos serão modificados somente após o orçamento ter sido aprovado e confirmada a viabilidade de produção.

A extensão da primeira inspeção de amostra será definida pela equipe da engenharia da WIKA.

4. Solicitação de divergência
Se o fornecedor reconhece que o produto difere da documentação técnica, o fornecedor pode informar a WIKA por meio de uma solicitação de divergência (Deviation Request). O fornecedor deve enviar o formulário preenchido, incluindo o código do item e número de pedido, à engenharia da WIKA responsável da qualidade de fornecimento. Nota: O fornecedor deve preencher o formulário completo! Especialmente com as causas de falha e ações corretivas.

A WIKA verifica a usabilidade de produtos internamente e informa o fornecedor sobre a decisão enviando-lhe a solicitação de divergência preenchida. Produtos fornecidos devido à permissão autorizada de divergência não serão considerados negativamente na avaliação do fornecedor.

5. Auditoria de processo
A WIKA reserva-se ao direito de examinar o processo de fabricação e todos os processos relevantes para fornecimentos à WIKA a qualquer momento conforme acordado com o fornecedor. Motivos para uma auditoria: qualificação de um novo fornecedor, conclusão do acordo de garantia da qualidade, deterioração considerável do desempenho da qualidade de um fornecedor, aprovação de processos e ferramentas novas/modificadas. A WIKA realiza auditorias de processo na base da VDA6.3. A auditoria será agendada em acordo com o responsável pelo fornecedor. Após a realização da auditoria, o fornecedor será informado dos resultados entre uma semana útil ou até mesmo no mesmo dia. Se medidas de melhoria são requeridas devido ao resultado da auditoria, o fornecedor deve elaborar um plano de ação e enviá-lo à WIKA no prazo dado pela engenharia da WIKA. Se uma segunda auditoria é necessária devido às divergências ocorridas, a segunda auditoria tem que ser aprovada pelo órgão responsável pelo fornecedor.

6. Qualidade em série
Acordo de garantia da qualidade
O acordo de garantia da qualidade é um documento aceito entre ambas as partes descrevendo os princípios básicos de colaboração com foco nas atividades relacionadas à qualidade e produção. O acordo de garantia da qualidade não é relacionado ao produto. A WIKA procura concluir um acordo de garantia de qualidade com fornecedores que já demonstraram extensa experiência e reputação técnica em desenvolvimento, fabricação e fornecimento de produtos. O objetivo de um acordo de garantia da qualidade é reduzir ou evitar custos relacionados às reclamações de garantia (reclamações devido à responsabilidade pelo produto) e para aumentar a eficiência da colaboração.

Relatório de série
O relatório de série é um documento de especificação da inspeção o qual descreve os requisitos de teste WIKA a respeito das partes que estão em acordo com o fornecedor. O objetivo é habilitar o fornecedor para controlar e documentar todos os requisitos WIKA internamente para cumprir à inspeção da entrada de produtos. O relatório de série somente pode ser concluído na base de um acordo de garantia da qualidade existente. A WIKA e o fornecedor entram em acordo comum sobre o prazo de envio dos documentos de teste após conclusão do acordo de garantia da qualidade e o relatório de série. Se nenhum dos requisitos específicos são fornecidos (por exemplo, critérios relacionados à segurança), após 5 fornecimentos livre de erros o envio do relatório de série não será necessário. Os relatórios de série estão sujeitos ao serviço de modificação WIKA, por exemplo, modificações técnicas são documentados no relatório de série e providenciados ao fornecedor para acordo ou informação. O fornecedor também é obrigado a informar ao CQ da WIKA sobre as modificações ao respeito do relatório de teste (por exemplo, o método de medição foi modificado).

Amostra de limite
A qualidade de características específicas que não podem ser medidas, podem ser inspecionadas por meio de amostras de limite produzindo um padrão visual para a aprovação. As amostras de limite devem ser marcadas na posição correspondente e providenciadas com data e assinatura. O CQ da WIKA é responsável para avaliar a amostra e aprova-la de forma escrita. O fornecedor é responsável pelo controle do status da modificação, a possibilidade de utilização e inspeção frequente das amostras de limite.

7. Retrabalho
Um processo de definição do método, qualificação dos colaboradores e da qualificação das partes após o processamento deve ser definido de modo a ser capaz de refazer as peças. As peças melhoradas pelo fornecedor podem ser marcadas com uma marcação especial a pedido da WIKA e devem ser fornecidas separadamente e cumprir com todos os requisitos da especificação. O método e extensão do retrabalho devem ser discutidos e acordados com o CQ da WIKA.

8. Objetivos da qualidade
A WIKA reserva-se ao direito de concluir objetivos da qualidade, por exemplo, em forma de PPM com fornecedores selecionados.

9. Processo contínuo de melhorias
O fornecedor deve analisar e otimizar seus processos relacionados à fabricação na forma contínua. Os resultados obtidos são usados para a implementação consequente de medidas de melhoria e controle da eficiência. As medidas devem ser documentadas e os documentos correspondentes devem ser distribuídos à WIKA, se solicitado.

10. Avaliação do fornecedor
No mínimo uma vez por ano a WIKA realiza a avaliação de fornecedor para os fornecedores selecionados. O fornecedor recebe os resultados e deve apresentar um plano de ação adequado para melhoria ao comprador responsável.

Contato

Você tem perguntas? Contate-nos!